Arquivo

Archive for setembro \30\UTC 2010

Eleição 2010 – Brasil

Nesses tempos de eleições muitas coisas têm saído de controle por misturar religião e política. A Bíblia não dá conselho direto aos cidadãos que vivem na democracia. Paulo e Pedro insistiam para que as pessoas honrassem e se submetessem às autoridades, mas em uma cidadania, nós somos o rei. Não podemos ignorar o governo quando nós o formamos. E se o cristãos formam uma maioria, pelo que se vê, por que não ser uma maioria que forme o governo segundo a vontade do Pai?

Os cristãos não estão fazendo um bom trabalho de repassar a Graça ao mundo. A política racial e religiosa proibia que Jesus falasse com uma mulher samaritana, ainda mais com uma que tivesse antecedentes morais duvidosos. Ele, no entanto, escolheu uma mulher samaritana para ser missionária! Desacreditamos de muitos e julgamos ter o poder de decisão: “Porque eu votarei nesse, e sei que muitos votarão se eu declarar meu voto”. Coitados!

Desconfiamos da credibilidade de alguns candidatos, talvez aqueles que foram escolhidos para reinar segundo o coração de Deus, a favor do Seu povo. “Ame seus inimigos!” Quem é meu inimigo? Aquele que concorda com uma votação democrática acerca do aborto? Os favoráveis ao aborto? Se o meu ativismo, se minha religião, ainda que bem motivada, é maior que o amor, então eu entendi mal o Evangelho. Não voto, mas preciso amar! Julgar não é amar. Estou apaixonado pela Lei, e não pelo Evangelho!

Hillary Clinton foi pega de surpresa ao chegar a uma reunião, e receber o pedido de perdão por cristãs – verdadeiras cristãs -. “Estava preparada para tudo, menos para um pedido de perdão”. Ela foi criticada e julgada por muitos, e eles sem pedras na mão, voltaram e pediram perdão. Pediu que formassem mais grupos como aqueles, de preferência na idade de sua filha, pois ela não conhecia essa Graça que aquele grupo tinha oferecido para ela naquela manhã. O importante no cristão é reconhecer seu erro de desamor e não-graça, e atacar a ideia e não quem defende essa ideia.

Muito tem se falado sobre o aborto, nesse texto abordei dele também se não percebeu. Falei sobre os três principais candidatos à presidência e como devemos tratá-los. Esse texto, é o que eu profundamente acredito ser verdade.

Se permitirmos que uma mãe mate seu próprio filho, como tentaremos impedir que as pessoas matem umas as outras? Qualquer país que aceita o aborto não está ensinando seu povo a amar, mas usar a violência para obter o que deseja. As pessoas são incoerentes ao se preocupar com a violência, com as crianças famintas em lugares como a África, e não nos importamos apoiando a decisão de milhões de pessoas que escolhem matar seus filhos por escolhas errôneas e egoístas!   “Se não querem seus filhos, me entreguem. Cuidarei deles” Madre Teresa de Calcutá.

Bibliografia: Madre Teresa de Calcutá.

Categorias:Estudos

Are you are a Christian?

Felizmente temos vivido a introdução de um avivamento dentro de um mover de adoração no meu ministério. O mais gratificante, é poder participar disso.

Hoje, 26/09, oramos muito pelo Brasil pela primeira vez. Conseguimos uma bandeira Brasileira, escrevemos o nome de amigos e familiares e oramos muito, tiramos um tempo grande só para isso. Logo, penso nas eleições e nos pontos negativos em eleger a pessoa errada:

Pastores que forem presos por pregar sobre práticas condenadas pela Bíblia Sagrada (homossexualismo, idolatria e espiritismo), não terão direito de se defender por meio de ação judicial.

Isso me lembrou de milhares de e-mails que recebi sobre cristãos perseguidos.  Não tenho muito que falar sobre isso, apenas que se um dia tiver a oportunidade de ser um mártir, eu quero ser um mártir. Não quero voltar, quero prosseguir.

O medo de perder essa graça que me atinge, bênçãos que me segue, fidelidade que me segue, alegria e paz que me preenchem, faz com que eu queira ser um mártir se preciso for! A extrema confiança em Deus e meu amor por Ele e pelo que fez por mim e por minha família é a vontade de morrer se preciso for sendo um mártir. Sofrer de doenças e dores, sendo um mártir.

And you? Are you are a Christian?

Agora, me responda: Por que essas crianças desesperadamente não aceitavam negar esse Jesus? Por que Ele seria tão importante? Por que não aceitar conhece-lo?

Essas crianças não O negaram porque Ele é o principio, meio e fim da vida, e elas sabem. A vida só tem um fim quando esse Deus permite. A morte para o cristão significa vitória, certeza da batalha ganha.

Categorias:Evangelismo

Por que cristão… protestante?

Essa questão me martelou a cabeça após um relacionamento mais aprofundado com o catolicismo, e grandes descobertas que o Senhor me fez realizar ao ter um contato muito grande com pessoas muito especiais desta outra religião.

Direto ao ponto, encontrei melhor refúgio e respaldo no ministério que faço parte, no qual recebo do Senhor tudo o que preciso: abundância de vida, alegria – em conhecê-lO, vivencia com Ele, amor pelo próximo, bênçãos que nem sei contar… A Igreja Católica tem um erro que talvez seja um erro que todo cristão protestante leigo aponte que é a idolatria. Igreja Católica, é a mesma em todos os lugares, não possui denominações e divisões ministeriais. A mesma missa, o mesmo tudo. A pessoa nasce, se não é nada: é católica. Não vai a Igreja, não participa de nada, vive como quer, fazendo “o que dá na cabeça”, mas é católico.

A generalização faz com que a Igreja seja desmoralizada e fora de controle. Não digo que é mal organizada, eles pregam, não sei o que, mas pregam. Tive uma experiência, infelizmente, não muito boa depois de cristão protestante em um Grupo de Oração Católico muito famoso em minha cidade. Fui, a música era boa, sabiam liderar e levar o povo onde queriam, mas era emoção. O “barulho” era igual a da minha Igreja, mas não sentia nada, um vazio. Olhava para um lado, via arrogância, para outro, pessoas sendo levadas por emoção. Me dava medo, conhecia muitas pessoas ali, e muitas delas todas deturpadas, com suas vidas amaldiçoadas, mas “repousando no espírito” (abrindo porta para milhares de demônios a mais).

Não prego a Igreja, prego Jesus. Eu sei que não é possível a pessoa se achegar a Jesus sem um trabalho de libertação, e uma convivência com o Corpo de Cristo, levo também então, o ministério. Não indico “boas igrejas”, mas vejo algumas “péssimas igrejas”.  O protestantismo também não é hoje em dia perfeito, muita coisa foi deturpada… O meu trabalho é ajudar meus amados a restaurar as antigas experiências com Deus, antigos métodos de adoração, antigos métodos de libertação, antigos métodos de oração, não as novas experiências e métodos. Sou protestante porque sigo a Bíblia e seus livros, nada mais. Meu pastor confia em mim, temos um ótimo relacionamento de confiança, não tenho cobrança e meu relacionamento com Deus vai além de religião. O que importa é seu relacionamento com Deus sim, mas te pergunto: Vai tudo bem?

Categorias:Estudos, Evangelismo

Espírito Santo, meu consolador!

Você pode imaginar Jesus agora? O que você vê? Eu vejo uma das imagens que mais me assustam e me dão sentimentos agudos e confusos: Jesus na cruz.

Ele mesmo decidiu vir passar uma temporada na Terra… Não escolheu vir como vivemos, cheios de mimos, cheios de facilidades para vida. Veio da maneira mais simples, nasceu em uma manjedoura. Não nasceu de uma maneira digna, nasceu sem nenhum cuidado especial. Viveu da maneira mais simples também. Das dores não se esquivou: preferiu experimentar o que vivemos. Sabe essas dificuldades agudas e dores que vivemos? A todas enfrentou. Preferiu viver tudo isso. Seus amigos não eram dos melhores, eram os mais odiados e desprezados. Não se importava com as grandes quantias de dinheiro, olhava para as poucas moedas da viúva que dava seu tudo.

Perdeu a todos seus discípulos num sermão. Desde sempre ouviu: “Se és filho de Deus mostre algum sinal”. O mais desprezado entre os homens. Como um de quem os homens escondiam o rosto, por tamanha deformidade, ele foi desprezado. Próximo a sua morte, lavou os pés de seus 12 discípulos mais próximos, inclusive daquele que viria a traí-lO: Ele sabia.

Oprimido e humilhado, mas não abriu a boca. Morto pela pior morte para os piores: a morte de cruz. O Melhor sendo morto. Derramaram seu Sangue, coroado com espinhos. Esvaziou-se: Deixou toda sua Glória a direita do Pai, e morreu, uma vez que não conseguiria viver uma eternidade sem você.
O que me lembra de nós mesmos. Escolhemos viver cheio de mimos, facilidades para vida. Da maneira mais confortável possível, andar de uma maneira digna tendo como pessoas ao seu redor pessoas respeitadas e da sua classe social. Julgamos o exterior. Tratamentos de beleza que nos fazem morrer. Cuspimos no rosto de quem nos odeia. Será que alguém poderia descer mais do que Ele desceu? O próprio Deus lavou os pés daquele que o trairia: Ele sabia!

Isso não é utopia, o motivo de cada livramento, o motivo de você poder estar lendo isso hoje, é porque Ele te ama. Suas necessidades podem ser supridas todas em Jesus. Você não vai ter mais tempo de pensar nas suas dores quando descobrir o quando, e como Ele te ama. Tudo muda, quando você O encontra. Tudo mudou para mim, quando o encontrei. Os olhos dELe te consomem agora com muito amor, o que você falar agora, Ele ouvirá.

Amor meu amados, amor!

Fico indignado, não só eu, mas todos. A falta de amor pelas pessoas entre os cristãos é grande! Cheios de argumento os amados do Senhor não amam o próximo, e defendem o porque disso.

Recebi uma comunidade do Orkut, que fala “Jesus deveria ter apanhado mais”. Pensei: Filhos do diabo! É uma situação muito triste, é claro que é uma minoria, mas só de ver que existem pessoas que pensam assim, e tem a coragem de publicar suas ideias e convicções infelizes, é triste. Dei uma olhada nos tópicos, e vi um dos membros que foi bombardeado por mais de 500 pessoas que visitaram seu perfil mandando mensagens horríveis! Ameaças, e ordenanças virtuais para que os demônios que nele estavam fossem para o inferno junto com ele.

Expor suas ideias e convicções infelizes… Onde está o amor com o próximo? Inútil é você falar que faz a obra criticando o outro, minha prima me mandou um recado que me fez despertar isso mais forte. Tinha essa ideia de missão, mas ficou mais forte. Jesus não precisa ser defendido por você assim, você só O entristece. Se você não tem a capacidade de ter a vida de Jesus em você, não entre nesses assuntos de religião, só irá pecar. Você os odeia, mas Jesus os ama, Ele sabia que eles fariam isso quando morreu, mas escolheu morrer, porque preferiu morrer e sofrer, a ficar sem você. Ele te ama.

“O ódio excita contendas, mas o amor cobre todos os pecados.” Provérbios 10:12

PS: O mesmo em nossas igrejas, não olhe torto para um que esteja sofrendo no pecado, ainda sujo. Olhe com amor. Parece-me que tudo foi desviado do seu principal propósito, Jesus não veio para os sãos, veio para os doentes. Jesus quer curar você da sua arrogância e sua altivez, por isso ainda está na Igreja, mesmo irritado e com nojo de muitos que chegam inferiores a você, pecaram pecadões… Jesus te ama também, e quer te curar, também.

Estão distante do Trono…

“Todos os que querem mostrar boa aparência na carne, esses vos obrigam a circuncidar-vos, somente para não serem perseguidos por causa da cruz de Cristo. Porque nem ainda esses mesmos que se circuncidam guardam a lei, mas querem que vos circuncideis, para se gloriarem na vossa carne. Mas longe esteja de mim gloriar-me, a não ser na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim e eu para o mundo. Porque em Cristo Jesus nem a circuncisão, nem a incircuncisão tem virtude alguma, mas sim o ser uma nova criatura.” Gálatas 6:12-15

Uma das coisas muito valorizadas no meio evangélico são as roupas. Não é de se expressar que uma pessoa reconheça que a outra é “crente”. “Tenho Jesus em mim”, não minha irmã, você tem saia até o pé, cabelos longos, não se depila e não é muito agradável. Isso te torna “crente”.

Entrei a primeira vez em uma Igreja repleta de olhares tortos, que acham um escândalo uma mulher entrando naquele lugar de calça, perplexos por uma moça com corrente e brincos de ouro; assustados com uma criança com luzes nos cabelos, e os mesmos arrepiados. Ninguém se quer nos cumprimentou antes ou depois do santo culto que realizaram. A pregação foi acerca de bons modos de uma pessoa, e bom senso na escolha de suas vestes. Minha irmã, assustada com sua mão na corrente, jurou não voltar aquele lugar. Todos muito santos. “Mãe, não podemos falar com esse Deus que eles servem, pecamos muito, não vai dar certo!”

Certa vez, há pouco tempo atrás escutei que o pastor líder dessa igreja, resolveu dar um sermão nos fiéis que andavam desalinhados com os “usos e costumes” da Igreja. “Se você não é capaz de usar sua saia, ou seja, seguir os usos e costumes desse ministério, as portas estão abertas, porque existem muitas outras denominações que te aceitam com calça, aqui, espero no mínimo ordem e que sigam isso que vos falo”.

Tentam re-costurar o véu do templo que foi rasgado! Infelizmente, os que tentam fazer isso, não poderiam entrar no Santo dos Santos, morreriam, porque a iniqüidade é muita. Amados, nada vale seus trajes sociais para trabalho, seu linguajar rebuscado de evangeliquês, suas longas saias, cabelos cumpridos se o seu coração é impuro. Não há problema em usar essas vestes, mas quando os “usos e costumes” impedem que cumpra a Palavra do Senhor que diz: “Amai uns aos outros”, você peca! Vai para o inferno com suas saias e ternos! De nada adianta você ter conhecimento da Bíblia, se não a pratica. Nada vale você pregar e não vivenciar. Se Deus te usa, é por amor às almas, a glória não é sua. Não se glorie pelos seus usos e costumes, se vanglorie pela cruz do Senhor, que te fez morrer para o mundo.

www.semeadoresdafe.com

Categorias:Estudos
%d blogueiros gostam disto: