Arquivo

Archive for novembro \30\UTC 2010

Jejum na Intercessão!

O jejum é um ato Bíblico que trás a morte do nosso eu, da nossa carne, exposição dos pecados – dos “maiores” aos “menores” se é que posso dizer assim -, trás libertação de demônios, trás vida de Deus em nós, facilidade em entender as coisas do céu, auxilia no treino dos ouvidos espirituais para ouvir o Pai, trás cura. Poderia listar muitos outros benefícios que o jejum trás, mas gostaria de aprofundar o jejum no contexto da Intercessão, quando ele é usado para interceder.

“E eu dirigi o meu rosto ao Senhor Deus, para o buscar com oração e súplicas, com jejum, e saco e cinza.” Daniel 9:3

O que deve ser feito inicialmente é sempre o clamor que dará o estopim para, talvez, uma intensa luta. Quando nos dispomos a servir uma vida, precisamos entender que o jejum e a oração é a primeira coisa a ser feita como método para ouvir de Deus aquilo que Ele sabe que precisa ser feito. Uma maneira eficaz e possível para você servi-la.

“E busquei dentre eles um homem que estivesse tapando o muro, e estivesse na brecha perante mim por esta terra, para que eu não a destruísse; porém a ninguém achei.” Ezequiel 22:30

Quando a pessoa que resolvemos interceder não é cristã, e ela insiste em não querer ouvir sobre Jesus, sobre a cura que Ele preparou para ela, temos um problema que talvez possa não se resolver somente com a oração. Existem demônios nessa pessoa que não permitem que ela escute e/ou entenda o plano da salvação. Oração somente não basta:

Mas esse tipo de demônio só pode ser expulso com oração e jejum.” Mateus 17.21

A oração e o jejum são essenciais nesse processo de libertação. Se estamos dispostos a morrer por Cristo, estamos dispostos a morrer pelo próximo. Colocar-se na brecha é um tipo de morte. “Pai, coloco-me na brecha por Fulano para que todos os demônios que nele está possam ser destruídos, e que Fulano possa ouvir e ser tocado pelo seu Evangelho”. Essa é uma decisão que depende do Pai também, mas você deve se colocar para que Ele tenha opções. Se não achar ninguém, destruirá: “Ezequiel 22:30” A salvação do seu próximo está em suas mãos, se teve a chance e não o fez, o sangue da alma será cobrado de você.

Cordeiro e Leão

No dia 18/12 acontecerá o II Semeadores da Fé, estou muito feliz e satisfeito com tudo o que Deus tem feito e preparado para esse grande dia. Estamos finalizando o setlist, muitas músicas saíram, de 20 músicas preparadas, 8 ficaram. É bom poder ver o agir de Deus, e a certeza de que Ele realmente está direcionando pra tudo ser da vontade dEle. Agora, é tempo de recesso para ouvi-lO. Treinar os ouvidos espirituais!

A música de abertura é “Cordeiro e Leão”, nada melhor do que abrir o evento do que essa canção. Desde o ano passado já temos a confirmação de cantá-la, logo no dia seguinte ao I Semeadores (não sabíamos que teríamos outro) já queimava no nosso coração essa música. É um desafio cantá-la, minha amiga e irmã Julia fez questão de dizer que essa é dela! Foi uma confirmação e tanto, ela não gosta de músicas muito agudas e difíceis… rs

“Abaixar as armas l Levantar um som de alto louvor” um trecho da canção. É incrível como Deus usa os grandes e pequenos para fazer Seu querer. Me veio a ideia de fazer o vídeo dessa canção para a abertura com as imagens do Rio de Janeiro nesses últimos dias. O incrível, é que um grupo estará lá também agradecendo pela vitória – agradecendo! E nós aqui cantando essa letra profética! Jesuscidencia.

Abaixar as armas
Levantar o som de um alto louvor
Espada afiada em nossa boca é adoração
A vitória o Cordeiro conquistou no Monte Sião
Com o sopro de sua boca ele vem
Destruir o inimigo pra sempre

Ele reina, o nosso Deus reina
E ao som de seu louvor todos se prostrarão
É o rugido do Leão de Judá
E ao som de seu louvor fortalezas cairão
É o rugido do Leão de Judá

O nosso Deus reina

Digno de adoração
Cordeiro e Leão
Glória e honra e força
O poder, a riqueza e a sabedoria
A salvação pertence ao Senhor nosso Deus
Que se assenta no trono!

 

Profecia: Palavra que limita seu relacionamento com Deus.

“Os filhos são do Senhor…” Existem três tipos de jovens: 1) “Eu quero realmente que a vontade do Pai seja feita. Eu quero ter a profissão que Ele quer que eu tenha. Vou orar e jejuar para que meus ouvidos espirituais sejam santificados para ouvi-lO melhor” 2) “Quero estudar e ser rico, fazer o que gosto e que me dê dinheiro” 3) “Mãe, pai, por favor, vamos parar de discutir sobre meu futuro, eu não quero fazer o que vocês querem. A vontade de Deus vai ser feita, lembre-se que quem me deu pra você foi o Senhor, sou dEle… Posso esperar e descansar nEle”. Tipicamente, típico: O jovem que quer que a vontade de Deus seja feita, pois ele sabe que será bem sucedido se isso acontecer; o jovem que quer ser rico para comprar aquele celular que ele tanto quer, mas não tem; o jovem que aparentemente quer que a vontade de Deus seja feita, mas Ele não exercita os ouvidos espirituais para ouvir o Pai.

Disso, me recordo das velhas palavras proféticas que igrejas tradicionais liberam sobre a vida dos fiéis. “Você daqui dois meses abraçará um filho”, “Deus te deu um livramento, você IA cair de bicicleta, mas não caiu”… As pessoas acabam sentando e esperando sempre essas profeciais. Elas não precisam ter um relacionamento com o Pai, tudo o que ela quer saber o pastor, a missionária, aquele irmãozinho de fogo, passa as informações para ela.

Um dia me disseram: “Tick, você já sabe o que será quando crescer?”. “Não mesmo”. “Te vejo de branco!”. Pensei: “Serei macumbeiro?”… “Quando te via de branco, te via mexendo com aparelhos, como se fosse dentista (amigos dentistas, abraço para vocês)”. Todo o tipo de oportunidade de estudo que viesse a ter que não pudesse me vestir de branco e mexer com aparelhos negaria! Mas algo o Senhor me fez lembrar: A mesma pessoa que me disse isso mandou afastar-me de uma irmã da minha igreja, pois estava acabando com seu casamento – ela passava uma crise no casamento dela no momento, acreditei que fosse eu o culpado -. Perguntei para essa irmã e ela me disse: “Você me ajuda muito, não se afaste de mim”. Uau. Meu Deus. Não posso me apegar às profecias!

Que lição! Hoje, não aceito profecias. Se você as recebe, não se apegue a elas. É uma estratégia do diabo para fazer com que você não se preocupe em se preocupar a manter um relacionamento com o Pai e ouvir o que Ele tem para dizer para você. Não digo que não existem pessoas que não sejam usadas nisso, mas sempre, SEMPRE ore para receber a confirmação do Pai nisso, sem qualquer influência dessa profecia que recebeu anteriormente.

Este texto eu escrevi para uma pessoa muito especial, não dedico à pois essa pessoa receberá mesmo sem a confirmação de que foi para ela. Receba você também!

Eu não tenho, e nem quero!

“Eu não tenho outras escolhas, pra fazer, meu Senhor. Eu não tenho e nem quero nada, que possa roubar Teu trono em meu coração, que é só Teu…”

Conheço essa música há muito tempo, mas fielmente peguei o CD para analisar. As músicas da Pra Ludmila Ferber é como xerox de nossas almas, escritas naturalmente, sem a aparente pretensão de se tornar uma música. Se cantamos essa canção, ou falamos isso, precisamos vive-la:

Eu teria muitas escolhas. Falamos muito de renúncia, mas vivemos pouco! A renúncia dói! Quem faz a renúncia, não tem tanta alegria em espalhar a notícia, pois só quem tem o Espírito Santo é capaz de fazer uma renúncia por Cristo, e não por você mesmo. Teríamos muitas escolhas a fazer: “Faltar da Igreja, não atender ao chamado do Senhor na madrugada, escolher o twitter do que o Senhor, ” Mas nós escolhemos não fazer e não ter essas outras escolhas! Renunciamos as outras escolhas!

O princípio é esse: De tanta certeza e força para resistir ao diabo, é cantar: “Eu não tenho outras escolhas pra fazer…”, por que eu não tenho mesmo, escolhi não as ter! Eu não tenho essas escolhas e nem quero nada que possa roubar essa certeza, nada que possa roubar essa confiança, porque renunciar vontades por amor a uma pessoa é confiança de que essa pessoa fará tudo por você, muito melhor do que você faria. O trono dessa Pessoa está em seu coração?! Ou com o tempo roubaram?

“Toma Teu Trono, toma Teu Trono, toma Teu Trono em mim…”

%d blogueiros gostam disto: